Follow by Email

segunda-feira, 23 de dezembro de 2013

Votos

imagem da net


"Mas há uma coisa que desejo muito: que a humanidade se deixe desconcertar pelo esplendor inexplicável de cada amanhecer, que se conserve sem palavras perante o mar, como aqueles que pela primeira vez o olharam, que se sinta irresistivelmente atraída pela variação de cores, de volumes e de odor da paisagem diurna e noturna, que estremeça ao primeiro contacto com a água, que mantenha a capacidade de espanto perante o modo como o vento arrasta as nossas vozes felizes na distância, que olhe do mesmo modo desprevenido a chuva, os campos alagados em silêncio, as coisas mínimas e amplas, o tráfico das nuvens, a disseminação das papoilas que nos campos se parecem com as palavras que sonham. Desejo ardentemente que a humanidade do futuro saboreie o embaraço por aquilo que permanece em aberto não por insuficiência, mas por excesso, e não se apresse em catalogar, em descrever ou aprisionar. Que a sua forma de compreensão seja outro modo de manter intacto (ou mesmo ampliar) o espanto.”
 José Tolentino Mendonça  

A todos os que por aqui, ainda, passam, fazemos nossos, os desejos de José Tolentino Mendonça. Que a vossa caminhada seja um permanente reencontro dentro do amor. 
FELIZ NATAL e um 2014 pleno de encantamento pela VIDA!  
 



3 comentários:

  1. Querida amiga.

    Meu desejo para os que habitam
    o meu coração,
    é um mergulho no tempo,
    onde cada dia,
    é um dia de ano novo,
    e cada sonho,
    uma senha a ser descoberta,
    nesta caminhada rumo a alegria.

    Muito obrigado por sua amizade.
    Que sejamos e façamos felizes a cada dia.

    ALUÍSIO CAVALCANTE JR.

    ResponderExcluir
  2. Será este o meu post para depois do começo do ano, Teresa. Acho que é isto que precisamos para termos um ano verdadeiramente novo. È isto tudo também que te desejo, querida amiga, a ti e toda a família. Um beijinho muito especial e carregadinho de agradecimentos pela bela amizade. Até sempre, Teresa!
    Emília

    ResponderExcluir
  3. Muito obrigada Aluísio e Emília. Que neste novo ano reencontremos o nosso olhar de criança, maravilhando-nos, espantando-nos e olhando o que nos é oferecido como da primeira vez. Que a capacidade de nos maravilhar seja, de facto, reencontrada ou renovada. Um grande abraço e um novo ano pleno de encantamento!
    Teresa

    ResponderExcluir